Huma

Mudanças nas relações trabalhistas e na gestão da saúde corporativa preocupam RH

Institucional
04/10/2016

Profissionais de RH durante o IV Fórum de Saúde Corporativa

De acordo com uma pesquisa global feita pela empresa de tecnologia Citrix, até 2020, quase 90% das corporações devem oferecer aos funcionários alguma modalidade de trabalho a distância. O estudo contou com a participação de 1.900 executivos em 19 países, incluindo o Brasil. Essa mudança no formato de trabalho com a adoção do home office, bem como as mudanças nas leis trabalhistas brasileiras, tem despertado a atenção do RH.

Pensando nesse cenário, o II Fórum de Relações Trabalhistas promovido pela Associação Paulista de Recursos Humanos e Gestores de Pessoas (AAPSA), em parceria com a LG lugar de gente, reuniu mais de 50 profissionais da área de RH em São Paulo, no dia 13 de setembro, para discutir o tema. O evento incentivou reflexões sobre o modelo brasileiro de relação de trabalho e os reflexos na produtividade interna e na competitividade mundial.

A iniciativa contou com palestras de importantes referências na área trabalhista como o Professor de Pós-Graduação da Universidade Presbiteriana Mackenzie, Luiz Raghi; o Diretor de Gestão de Pessoas da IMC Saste Construções Serviços e Comércio, Fábio Cruz; o Diretor de Relações Institucionais da CBPI, Emerson Casali; o Diretor de Relações Trabalhistas da Sodexo, Eliezer Souza; entre outros. Dentre os participantes, Atento, C&A, Teleperformance e Atacadista Roldão, clientes da LG lugar de gente, marcaram presença no evento.

Gestão da saúde em pauta

Já no dia 20 de setembro, o assunto em destaque no IV Fórum de Saúde Corporativa, também promovido pela AAPSA e pela LG lugar de gente, foi a saúde como um dos pré-requisitos da estratégia nas corporações. O evento contou com mais de 130 participantes, dentre eles os clientes da LG lugar de gente: Deloitte, Atento, OdontoPrev, Caixa Seguros e Sanofi.

O fórum teve início com a palestra do Presidente da CRC Gama Saúde, Maurício Ceschin, que falou sobre o cenário, desafios e oportunidades na saúde corporativa atualmente. Na sequência, o líder de Life Sciences e Health Care da Deloitte, Enrico Vettori, falou sobre os impactos do custo do benefício de saúde. O Superintendente do SESI/SC, Fabrizio Pereira, falou sobre o tema “Saúde – Um Ativo da Empresa” e o Vice-presidente da Sul América, Mauricio Lopes, ministrou palestra sobre a promoção da saúde como um caminho para a sustentabilidade.

Notícias relacionadas:

Qual o papel do líder inspirador no atual cenário do país?

eSocial vai exigir auditoria na rotina do RH

Gestão de talentos: como demonstrar resultados e não apenas esforços e intenções

Comentários

X

Receba as principais atualizações do Portal Huma

Fique por dentro das novidades da área de gestão de pessoas. Assine a newsletter do Portal Huma e receba as principais informações da semana!

Enviar

https://www.lg.com.br/