Huma

Ambiente bom e produtivo: o RH pode fazer isso com excelência!

Mercado
08/06/2011

 

* Por Silvia Osso

A preocupação em ouvir e motivar a equipe não é de hoje. Muitas empresas, no intuito de agregar colaboradores e de criar um clima de “amorização”, promovem gincanas periódicas visando aumentar a produtividade, ou voluntários que auxiliem na coesão de colaboradores, ou ainda mutirões de limpeza e arrumação na empresa. A medida envolve apenas a área técnica ou a de desenvolvimento de sistemas ou engloba todos os departamentos, inclusive os administrativos e as filiais. Os vencedores ganham um prêmio em espécie ou em dinheiro pelo bom desempenho e pela produtividade. A iniciativa independe do porte da empresa e sim do engajamento do RH. Aqueles cuja atitude dos líderes é voltada para a promoção do bom ambiente corporativo fazem a diferença.

Não há uma cartilha a ser seguida para implantar uma política de recursos humanos, mas, na prática, a busca por um ambiente empresarial agradável e motivador é um caminho sem volta, exigido pelos próprios funcionários e pelo mercado. As pessoas tendem a ficar mais tempo trabalhando nas melhores empresas, o que é uma grande vantagem competitiva no mundo de hoje, em que uma das maiores dificuldades é reter talentos. E dinheiro não é desculpa. Há uma infinidade de medidas para melhorar o ambiente de uma empresa que não exigem grandes investimentos financeiros.

Listei abaixo algumas práticas simples que ajudam as empresas a se tornarem um bom lugar para trabalhar. Confira!

Se você deseja que a equipe se sinta respeitada:

  • Promova gincanas, pessoalmente ou pela intranet, que estimulem o conhecimento sobre campanhas e ações internas;
  • Ofereça horário flexível de trabalho para quem estuda;
  • Implante reuniões periódicas entre os líderes e o presidente da empresa para discutir temas relacionados à gestão de pessoas;
  • Crie um programa que mensalmente reconheça os funcionários com melhor desempenho;
  • Permita que os universitários façam palestras aos colaboradores sobre temas que estão estudando.

Se você quer intensificar sua credibilidade:

  • Crie um blog na intranet onde os funcionários possam debater sobre os mais diversos assuntos;
  • Promova periodicamente eventos que reúna todos os colaboradores, fixos e terceirizados, no qual executivos apresentam resultados e metas, assim como novos produtos e serviços;
  • Apresente também aos fornecedores o código de conduta e ética da empresa;
  • Permita que, periodicamente, um grupo de funcionários discuta com o presidente se a conduta da companhia está coerente com os valores que ela prega.

Se você quer garantir imparcialidade de tratamento aos funcionários:

  • Estabeleça um programa de avaliação de desempenho em que o funcionário define suas metas e objetivos com seu superior imediato;
  • Apresente o resultado da pesquisa salarial de mercado e o reajuste interno em reuniões formais de presença voluntária;
  • Promova reuniões mensais de realimentação entre gerentes e funcionários;
  • Divulgue aos colaboradores pelo menos metade das vagas existentes, o que dá a eles a possibilidade de crescimento;
  • Crie um canal de comunicação para que os funcionários possam tirar dúvidas, fazer críticas e também denúncias, sem obrigatoriamente ter de se identificar.

Se você busca que os colaboradores se orgulhem do próprio trabalho:

  • Promova visitas de familiares dos funcionários à empresa;
  • Implante um rodízio que permita que os colaboradores conheçam os outros departamentos e o que os colegas fazem;
  • Realize pesquisa de satisfação dos clientes e compartilhe o seu resultado com todos os funcionários;
  • Desenvolva o material publicitário da empresa em parceria com os colaboradores;
  • Compartilhe com a equipe toda premiação recebida pela companhia.

Se você quer estimular um clima de camaradagem na empresa:

  • Peça que os gerentes e a equipe recebam os novos funcionários com um café da manhã, para facilitar a integração;
  • Crie um programa para que o novo colaborador tenha como padrinho um funcionário mais experiente, que ficará responsável por orientá-lo nos primeiros meses de trabalho, assim como ajudá-lo a se inserir socialmente na empresa;
  • Permita que o funcionário que mudará de área fique de duas a três semanas acompanhando o dia a dia do seu futuro departamento;
  • Convide ex-colaboradores para a confraternização anual;
  • Promova reuniões bimestrais dos estagiários, visando estreitar seu relacionamento com os pares que trabalham em outras áreas.
  • Como você pode perceber, não é necessário muito investimento para tornar colaboradores mais felizes em suas empresas. É tudo uma questão de atitude! O que você pensa a respeito?

Silvia OSSO é jornalista, palestrante e consultora de empresas. Autora do livro "Atender bem dá lucro". Conheça ainda mais sobre a autora em www.gestaodecarreira.com.br/falarh ou www.hoconsultoria.com.

Comentários

X

Receba as principais atualizações do Portal Huma

Fique por dentro das novidades da área de gestão de pessoas. Assine a newsletter do Portal Huma e receba as principais informações da semana!

Enviar

https://www.lg.com.br/