Huma

O marketing pessoal nas festas de final de ano

Mercado
14/11/2012

É no final de ano que ocorrem as melhores oportunidades de encontros e reencontros. É época de congraçamento, quando pessoas se mostram abertas ao convívio. O espírito de Natal conspira favoravelmente. São ocasiões preciosas tanto para obter informações sobre o outro e o mercado, como para difundir nossos planos e projetos. As confraternizações da empresa podem ser férteis, abrindo perspectivas inimagináveis. Festividades proporcionam a chance de interagir com os demais colegas e descobrir interesses comuns, capazes de descortinar novos horizontes.

O clima natalino favorece o convívio mais estreito em todas as instâncias. Um antigo conhecido não estranhará, por exemplo, um telefonema desejando boas festas. É provável que, ao contrário, se sinta muito honrado com a lembrança. Quebra-se, assim, o gelo, o que permite imprimir outro ritmo ao relacionamento a partir de então. A verdade é que, ao investir na aproximação com nossos contatos, atualizamos a relação e propiciamos a descoberta de novas dimensões de convivência. Ativamos também os efeitos multiplicativos dos relacionamentos, fazendo dos nossos conhecidos uma grande aldeia, que pode ser acessada de forma produtiva, sempre com o espírito de benefício mútuo. É, portanto uma ótima época para ativar o networking.

É também nessa época que as empresas prepararam a tão esperada festa de final de ano, pois acham ser uma excelente oportunidade para que se instale a aproximação entre colegas de trabalho e chefes. Apesar do clima de descontração e da alegria em comemorar, esse ainda é um ambiente profissional. Portanto trata-se de uma ocasião saudável e produtiva se usada com etiqueta; ou uma ocasião bombástica para derrubar, em alguns minutos, o que se levou o ano todo para construir. Falo de imagem. E imagem, como se sabe, é tudo! Para não cometer gafes e nem comprometer a sua, lembro aqui alguns cuidados, tanto para chefes como para funcionários e convidados:

1. Pontualidade é importante. Compareça no horário marcado para o início da confraternização. A ausência deve ser comunicada com antecedência.

2. Geralmente, as confraternizações são somente para os funcionários. Só leve alguém se o convite foi claramente feito para a família ou convidados.

3. A postura nas festas de fim de ano deve ser enfatizada pelo equilíbrio. Para pessoas inteligentes, capazes de desfrutar com bom senso os prazeres do copo, mesa e companhia, o dia seguinte será hora de recordar os bons momentos do dia anterior.  Já para quem ultrapassou os limites poderá ser um incomodo sem tamanho.

4. Ficar muito tempo na festa não é o ideal. Quanto mais alto for o cargo do executivo, menos tempo essa pessoa deve permanecer na confraternização. Isso porque sua presença tende a inibir os funcionários menos graduados.

5. Seja agradável e procure falar de amenidades. Falar mal de chefes e colegas, assim como criticar a organização da festa, é expressamente proibido.

6. Se você é formal com a maioria das pessoas, não pense que, tirando o paletó, essa formalidade será esquecida. Não seja na festa quem você não é no dia-a-dia.

7. Cuidado com as roupas que vai usar. Lembre que está numa festa de ambiente profissional: atenção ao exagero no decote; cumprimento das saias; etc. Para os homens; cuidado com as vestimentas informais: não adotar regatas, chinelos e bermudas a não ser que o ambiente assim o peça.

8. Se for realizado amigo secreto, o melhor é pesquisar o gosto da pessoa a ser presenteada com pessoas próximas, de dentro da empresa, bem antes da festa onde serão entregues os presentes; para evitar constrangimentos desnecessários. 

9. Cuidado com os vídeos e fotos, pois tem sempre alguém com uma filmadora indiscreta, uma máquina fotográfica ou celular que sem dúvida está lúcido o bastante para captar os melhores momentos: leiam-se micos, vexames e constrangimentos.

10. Por último um lembrete que vale ouro: “O que os olhos não vêem ninguém comenta”.



*Silvia Osso é palestrante e consultora de empresas. Jornalista , especialista em varejo,é autora dos  livros  Atender bem dá lucro ; Programa Prático de Marketing para Farmácias; Administração de Recursos Humanos e do DVD Etiqueta Empresarial.

Comentários

X

Receba as principais atualizações do Portal Huma

Fique por dentro das novidades da área de gestão de pessoas. Assine a newsletter do Portal Huma e receba as principais informações da semana!

Enviar

https://www.lg.com.br/