Huma

Salário mínimo poderá valer até para quem trabalha menos de oito horas diárias

Mercado
11/01/2010

 

Projeto de Lei que está em exame na Comissão de Assuntos Sociais do Senado propõe que todos os brasileiros poderão receber o salário mínimo, mesmo que trabalhem menos de oito horas por dia ou 44 horas por semana.

De acordo com o autor da proposta, senador Valdir Raupp (PMDB-RO), o salário mínimo, criado no governo de Getúlio Vargas, tem como objetivo reconhecer os direitos da parcela de trabalhadores com baixa qualificação. Segundo o senador, esses brasileiros muitas vezes são contratados para cumprir jornada inferior a 44 horas por semana, no entanto, se remunerados por hora, recebem menos do que um salário mínimo nacional.

A proposta acrescenta artigo à CLT (Consolidação das Leis do Trabalho) e será relatada na Comissão pelo senador Gim Argello (PTB-DF).

Salário

"Não deixa de ser espantoso que ainda se verifique a existência de trabalhadores regularmente contratados - no setor formal da economia, portanto - que recebem remuneração inferior ao salário mínimo", afirmou Raupp, segundo a Agência Senado.

Para o senador, o mínimo representa o menor valor que qualquer pessoa deve receber por um mês de trabalho, independentemente do número de horas trabalhadas.

Essa notícia foi publicada na Info Money, em 08/01/10.

Comentários

X

Receba as principais atualizações do Portal Huma

Fique por dentro das novidades da área de gestão de pessoas. Assine a newsletter do Portal Huma e receba as principais informações da semana!

Enviar

https://www.lg.com.br/